Hello Darling
Eclética and nefelibata.
“Mas eu queria que você soubesse que eu me importo.”
Chuva de novembro. (via julgando)

“Então pegue o telefone ou um avião, deixe de lado os compromissos marcados, perdoa o que puder ser perdoado, esquece o que não tiver perdão…”
Engenheiros do Hawaii.    (via julgando)


“Às vezes, me pego pensando no passado. Relembrando alguns momentos que já deveriam ter sido esquecidos. E por mais que o tempo passe, eu sempre ouço as mesmas canções tristes, cheias de memórias, de pessoas, de momentos e lugares. Lembro dos olhos, das expressões, dos dias frios, dos abraços quentes. São apenas recordações. Mas confesso que até sei lidar com as lembranças, menos com a saudade.”
Thiago Lopes.  (via julgando)

“Porque metade de mim é o que eu grito, mas a outra metade é silêncio. Porque metade de mim é partida, mas a outra metade é saudade. Porque metade de mim é o que ouço, mas a outra metade é o que calo. Porque metade de mim é o que eu penso, mas a outra metade é um vulcão. Que o medo da solidão se afaste, e que o convívio comigo mesmo se torne ao menos suportável. Porque metade de mim é a lembrança do que fui, a outra metade eu não sei. Porque metade de mim é abrigo, mas a outra metade é cansaço. Porque metade de mim é amor e a outra metade também.”
Oswaldo Montenegro.   (via floriculturistas)






THEME